terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Transmissão genética da cor dos olhos

A compreensão da transmissão de características de pais para filhos exige que se estabeleça um distinção entre genes dominantes e recessivos.
Se um filho herdar um gene castanho da mãe e um gene azul do pai, apresentará olhos castanhos. O gene castanho, que se manifesta, é o dominante. O azul, embora presente, não se manifesta, é o recessivo.

GENE DOMINANTE:
Aquele que produz efeito mesmo que esteja presente em apenas um dos cromossomas do par.

GENE RECESSIVO: Aquele que só produz efeito quando está presente nos dois crmossomas do par.

Que poderá resultar da junção de um homem e de uma mulher que tenham os dois, olhos castanhos?

- Ambos os cônjuges serem homozigóticos (cada um deles possui dois genes de olhos castanhos.)





- Um cônjuge ser homozigótico e outro heterozigótico (apesar de possuir olhos castanhos, têm um gene de cor azul).



Todos os filhos possuirão olhos castanhos, havendo, no entanto, possibilidade de 50% serem homozigóticos e 50% serem heterozigóticos.


Ambos os cônjuges serem heterozigóticos.




Neste caso, há 25% de problabilidades de nascerem filhos com olhos azuis e 75% de nascerem com olhos castanhos, sendo, destes, 25% homozigóticos e 50% heterozigóticos, como os pais.

* O que se pode passar na descendência de uma casal constituído por um ser humano de olhos castanhos e outro de olhos azuis?

Um projenitor de olhos azuis e outro de olhos castanhos, homozigótico.



Todos os filhos terão olhos castanhos e serão heterozigóticos.

Um progenitor de olhos azuis e outro de olhos castanhos, heterozigóticos.



50% de problabilidade de os filhos terem olhos azuis, como um dos cônjuges, e 50% de terem os olhos castanhos e serem heterozigóticos, como o outro cônjuge.

Sem comentários:

Enviar um comentário